Ouça a Rádio Ao Vivo

Fera das montanhas: cachoeirense de 17 anos é convocado para seleção de skyrunning

Divulgação

Oriundo de uma família de corredores, amantes da corrida de montanha, Jhemes Costa Santos Júnior começou bem cedo no exigente esporte, ainda criança. E nunca mais parou de treinar e competir.

Agora, com 17 anos de idade, o jovem atleta cachoeirense acaba de ser convocado para a seleção brasileira de skyrunning (corrida de montanha acima de 2 mil metros de altitude).

Jhemes Costa Santos Júnior vai representar o país no mundial da modalidade em Montenegro, no sudeste da Europa, em junho.

Ele conseguiu a vaga emplacando a medalha de bronze no campeonato brasileiro de skyrunning em Alto Caparaó, em Minas Gerais, no Parque Nacional do Caparaó, que abriga o famoso Pico da Bandeira.  

Aproveitando a topografia de Cachoeiro de Itapemirim e região, o treinamento costuma ser feito aqui nas proximidades, em locais como Pirote, Pico do Caramba, Pedra do Índio, serra de Soturno, Frade e a Freira, e Pedra do Moitão, segundo o pai do adolescente, Jhemes Costa, que é responsável técnico pelos treinos de força e seu principal incentivador.

A parte de corrida fica a cargo da F3 Assessoria Esportiva, de Santa Catarina.  

Quanto à expectativa para o mundial na Europa, Jhemes pai declara que a família espera que o pupilo “se divirta, consiga performar entre os melhores, conhecer pessoas e culturas novas e, quem sabe, voltar para casa com mais uma medalha”.

fonte original do Jornal Fato

Confira mais Notícias

Prêmio CNA Brasil Artesanal abre inscrições para concurso de cafés especiais torrados

Funai solicita Força de Segurança Nacional para TI Uru-Eu-Wau-Wau

Brasil é campeão no Mundial de Robótica em Houston

Espírito Santo registra redução nas taxas de pobreza e extrema pobreza

Programa Acredita começa hoje e prevê facilidade aos MEIs em negociação de dívidas

Lacen confirma circulação de Febre do Oropouche no Espírito Santo

Projeto Jovem Perito da Polícia Científica está com agenda de 2024 aberta

Agricultores familiares acessam políticas públicas de comercialização e melhoram renda com apoio do Incaper