Ouça a Rádio Ao Vivo

Tempestade de verão causa transtornos no fim de semana

Reprodução/Web

Como de costume, as fortes chuvas de verão que atingiram a região sul capixaba no fim de semana causaram transtornos em algumas cidades. Felizmente, não há registro de pessoas feridas. E pelo menos uma família desabrigada.  

De acordo com a Defesa Civil estadual, houve ocorrências em Cachoeiro de Itapemirim neste domingo (queda de muro no bairro Novo Parque; pista cedendo nos bairros Caiçara e São Francisco de Assis); Rio Novo do Sul (pontos de alagamento em algumas ruas no centro); Vargem Alta (queda de árvore na via de acesso à comunidade do Ayd, pontos de alagamento nos distritos de Capivara e Vila Maria. A água atingiu algumas residências); e Mimoso do Sul (pontos de alagamento no bairro Café Moca, uma pessoa desalojada). 

Além disso, nesta última cidade, a parede de uma residência desabou no bairro Morro da Palha, deixando uma família desabrigada. Mas ninguém se machucou. A Defesa Civil de Mimoso do Sul também alertou sobre queda de árvore ontem na cabeceira da ponte que dá acesso à localidade de Vargem do Cipó, no bairro Mangueira. 

Ainda em Mimoso do Sul, as intensas chuvas haviam causado um perigoso buraco na subida ao lado da igreja matriz, sentido parque de exposições. 

E moradores registraram alagamento na estrada que dá acesso ao monumento do Cristo Redentor, relatando que “virou uma cachoeira”. 

Risco moderado de deslizamento

O Boletim Extraordinário da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (Cepdec) indica que a região sul capixaba e parte da serrana podem ter nesta segunda-feira (22) acumulados de chuva superiores a 10 mm em alguns trechos. 

Há risco moderado, portanto, de ocorrências pontuais de deslizamentos de terra, principalmente em encostas urbanas, além de eventuais movimentos de massa à margem de rodovias, em duas cidades sulinas: Alegre e Guaçuí. 

Alagamento em Viana 

Na noite de ontem, a Polícia Rodoviária Federal registrou alagamento em vias laterais da BR-101 em Viana, na altura do km 298, próximo ao trevo da BR-262.

Em alguns pontos a água atingiu mais de um metro, interditando completamente ruas adjacentes, no trecho. 

fonte original do Jornal Fato

Confira mais Notícias

Fiscalização eletrônica de velocidade é restabelecida aos poucos

Após perseguição, foragido é capturado em Alegre

Dia do Policial Civil é ‘comemorado’ com prisão e apreensões em Guaçuí

Carreta tomba na BR-101 em Mimoso do Sul

Morre Mazinho Schwambach, colunista social de Domingos Martins e região

Mais de 50 médicos do Espírito Santo respondem por processo no CRM

VII Festival de Leituras Dramáticas Capixabas agita Cachoeiro

Seleção capixaba de handebol disputa Campeonato Brasileiro Cadete