Ouça a Rádio Ao Vivo

Sul do ES: Iema e Polícia Ambiental apreendem aves silvestres e exóticas

Divulgação

Apreensão de 51 aves da espécie Saltator similis, popularmente conhecida como trinca-ferro, além de 21 Ring Necks, pássaro exótico, também conhecido como periquito-de-colar. Aves que estão na lista de espécies da fauna ameaçadas de extinção no Espírito Santo, conforme o Decreto Estadual nº 5.237-R/2022.

É o resultado de recente operação do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) e do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) no Sul do Espírito Santo.

Identificados, os responsáveis foram autuados. A fiscalização ocorreu nos municípios de Ibitirama e Irupi.   

Os pássaros passaram pelo Centro de Triagem e Reabilitação (Cetras) do Iema, em Cariacica. E foram levados para o Centro de Reintrodução de Animais Selvagens (Cereias), em Aracruz, onde recebem os devidos cuidados.

“A criação de aves ilegais gera pressão sobre os ambientes naturais, causando extinção de espécies nativas. Ao adquirir uma ave ilegal, as pessoas incentivam traficantes de aves a retirarem cada vez mais da natureza, diminuindo a ocorrência de forma natural e contribuindo para a extinção desses animais”, alerta Marília Bautz, da Coordenação de Fauna do Iema.

Para ter posse regular de um pássaro, o interessado pode adquirir um animal por meio de criadouro ou empreendimento comercial legalizado, que deve ser acompanhado de nota fiscal e certificado de origem quando couber. Ou pode ser criadouro amadorista passeriforme devidamente homologado no Iema, por meio do Sistema de Controle e Monitoramento da Atividade de Criação Amadora de Pássaros (Sispass). 

fonte original do Jornal Fato

Confira mais Notícias

Seis novas espécies de insetos são descobertas no Espírito Santo

Recepção do Cachoeirense Ausente será nesta segunda-feira (24)

Confira as unidades de saúde que abrem neste sábado (22) para vacinação

Em operação na BR-101, PM apreende quase 30 kg de maconha

Suspeito de roubo é baleado e preso após esfaquear policial em Cachoeiro

Despedida de Jorge Moraes, sósia do técnico Jorge Jesus, acontece no Rio de Janeiro

Fogueira de Rio Novo cresce ainda mais e fica maior que um prédio de 8 andares

Espírito Santo é o 1º do Brasil nos investimentos à ciência e tecnologia