Ouça a Rádio Ao Vivo

Por agressão sexual, Daniel Alves é condenado a 4,5 anos de prisão

Lucas Figueiredo/CBF

Acusado de agredir sexualmente uma jovem em uma boate de luxo em Barcelona, na Espanha, em dezembro de 2022, o famoso lateral-direito Daniel Alves foi condenado a quatro anos e meio de prisão.

A sentença saiu hoje (22). O tribunal superior da região da Catalunha, onde aconteceu o julgamento, também obrigou o jogador de futebol brasileiro a indenizar a vítima em 150 mil euros. 

Alves aguardou o julgamento encarcerado, por mais de um ano, em uma prisão local. 

fonte original do Jornal Fato

Confira mais Notícias

Leptospirose: 85 casos suspeitos da doença foram registrados em Mimoso

Roberto Carlos: maior nome da música brasileira completa 83 anos na sexta (19)

Incêndio atinge empresa em Itaoca, distrito de Cachoeiro

Escritora atacada por pit bulls recebe alta após 13 dias internada

Cachoeiro: autorizada reforma do Centro de Saúde “Paulo Pereira Gomes”

Barbeiro é detido com moto clonada em Cachoeiro

Cachoeiro: Servidor da prefeitura perde braço após acidente de trabalho

Cachoeiro recebe evento de cidades inteligentes