Ouça a Rádio Ao Vivo

Hospital Infantil realiza procedimento complexo para retirada de tumor cerebral

Foto: Divulgação

Há 90 anos sendo referência em atendimento pediátrico no Estado do Espírito Santo, o Hospital Estadual Infantil Nossa Senhora da Glória (HINSG), localizado em Vitória, realiza procedimentos de alta complexidade que transformam vidas.

É o caso da adolescente Isabely Amaral Faria, de 14 anos, moradora da Serra. Após apresentar períodos de intensas crises convulsivas, a investigação médica acusou um tumor cerebral. Não bastasse esse diagnóstico, o tumor estava localizado entre as áreas do cérebro responsáveis pela fala, pelos movimentos do lado direito do corpo e a área da memória.

“Tal localização torna uma possível cirurgia bastante delicada e complexa uma vez que mesmo uma leve compreensão sobre essas áreas pode causar danos importantes para a vida da paciente”, disse o médico neurocirurgião Walter Fagundes.

Após a tomada de decisão pela cirurgia, o médico propôs que o procedimento fosse realizado com a adolescente acordada. “Inicialmente, ela ficou assustada, mas aceitou. Tivemos várias reuniões com a equipe médica e diretoria do hospital infantil para viabilizar a cirurgia. A nossa colega, Nathália Solomão, foi a responsável pela anestesia. Para a neurocirurgia contamos com todo aparato tecnológico que a unidade dispõe, visando à identificação precisa do tumor, das áreas funcionais e de aspirador ultrassônico para retirada da lesão”, explicou o neurocirurgião. 

O procedimento foi realizado nessa quinta-feira (14) e durou um total de 10 horas e foi considerado um sucesso. “Durante a ressecção do tumor, tínhamos conversas com a adolescente testando a fala e a memória. Ela, cristã evangélica, chegou a cantar o louvor ‘Perto de Ti’ durante a cirurgia. Ao final, foi possível retirar todo o tumor”, afirmou o Dr. Walter. 

A paciente encontra-se internada em leito semi-intensivo em recuperação, apresentando quadro estável. O pai da adolescente, João Batista Faria, agradeceu o trabalho da equipe. “Em primeiro lugar, nós agradecemos a Deus por tudo ter dado certo e também ao Dr. Walter Fagundes e toda a sua equipe. Nossos sinceros agradecimentos por toda atenção e preocupação demonstrados com a Isabely desde o início”. 

O secretário de Estado da Saúde, Miguel Duarte, comemorou o êxito da cirurgia. “Procedimentos como esses evidenciam a força do Sistema Único de Saúde (SUS) e sua importância para a população. O Hospital Infantil tem recebido investimentos importantes do Governo do Estado para melhoria contínua da assistência, com profissionais altamente capacitados, sendo um local de cura e sorrisos todos os dias”. 

De acordo com o diretor-geral do hospital, Clio Zanella Venturim, foram realizadas, aproximadamente, 200 cirurgias neurológicas eletivas e de urgência durante o ano passado no HINSG. “Para este ano, aumentamos o número de horas cirúrgicas para dar maior vazão aos procedimentos eletivos e temos a previsão de realizar 300 neurocirurgias, entre urgência e eletivas. Até o mês de fevereiro passado, foram realizadas 50 neurocirurgias”.

Em todos os serviços médicos ofertados no Hospital Infantil, são mais de 5.800 internações/ano; mais de 34 mil atendidos no pronto-socorro/ano. Na onco-hematologia, são realizados, em média, 11 mil atendimentos/ano no ambulatório; as internações no setor são de 600/ano.

Fonte: SESA

fonte original do Montanhas Capixabas

Confira mais Notícias

Sem capacete, meninas são flagradas pela GCM trafegando com moto

Situação e oposição fazem convenções no mesmo dia em Marataízes

Cafeicultura sustentável torna Seguro Rural mais barato

Ondas de calor e veranicos: Diferenças, impactos e cuidados

Veja a previsão do tempo de hoje (22/07/2024)

Fungos estão se adaptando ao calor corporal, diz estudo

Semana de início das Olimpíadas tem dia do escritor e avós

Pega em flagrante ameaçando pessoas, dupla armada é detida em Alegre