Ouça a Rádio Ao Vivo

Festa do Socol celebra tradição italiana nas montanhas do Espírito Santo

Produto típico italiano e que ganhou fama nacional com a produção nas montanhas capixabas, o socol tem um evento anual só para ele. E a 22ª edição da Festa do Socol será realizada entre os dias 4 e 5 de maio, em Venda Nova do Imigrante. O evento acontecerá na comunidade de Alto Bananeiras, na zona rural, ponto mais alto do município, onde a iguaria de maturação natural carrega consigo mais de um século de tradição.

O socol é um embutido cujo nome remete aos ossos do pescoço do porco. Em 2018, o Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) concedeu o registro de Indicação Geográfica (IG), garantindo a autenticidade desse produto à região nordeste do município de Venda Nova do Imigrante, a “Capital Nacional do Agroturismo”. Atualmente, oito famílias têm o direito do uso do selo da IG, garantindo reputação e notoriedade ao produto e atraindo o interesse de turistas de todo o país e do mundo.

E nesse contexto, a Festa do Socol começou de forma modesta e tornou-se um evento grandioso graças à comunidade unida e engajada de Alto Bananeiras. Mais de 150 voluntários trabalham incansavelmente para tornar o evento 100% beneficente, com parte dos lucros revertida para entidades locais, como as Voluntárias Pró-Hospital Padre Máximo (HPM), 10%; e Apae-VNI, outros 10%; e para melhorias na comunidade e investimentos na festa do ano seguinte (80%).

Com os recursos do evento passado, os moradores instalaram câmara fria e encanamento com gás na área da festa. “No ano passado, colocamos muitas novidades, e vamos manter o que deu certo em 2024”, destaca Hiago Falqueto, um dos coordenadores do evento.

Em 2023, a Festa do Socol atraiu um público de mais de quatro mil pessoas, que desfrutaram de dois dias repletos de atrações. Foram consumidos 300 quilos de socol, e o leilão do socol gigante e o palpite para adivinhar o tamanho da linguiça foram alguns dos destaques. Além disso, a festa contou com novidades, como a aula show no sábado com receitas à base do embutido. Foi a primeira vez que a festa contou com programação diurna no sábado.

“A Festa cresceu nos últimos anos. Passamos de 100 quilos para 300 quilos de socol em 2023, feitos pelos voluntários. Vamos manter a organização com a divisão de equipes, a sinalização no ambiente do evento para facilitar o ir e vir do público e caixas móveis para manter a qualidade dos serviços. E claro, vamos oferecer muita comida boa, a exemplo do pastel de socol e diversas bebidas”, atesta Falqueto.

O evento será realizado de frente para o Lago de Alto Bananeiras, um dos pontos turísticos de Venda Nova do Imigrante. Trata-se de uma reserva artificial de água que espelha o céu azul. Fica pertinho da Igreja Católica da comunidade e é um cenário incrível para fotos. Quem quiser pode levar o anzol, pois o lago contém várias espécies de peixe para pesca. Para chegar, pegue a rodovia BR-262 na altura do km 106 no sentido Alto Bananeiras. Deste ponto, são apenas 4,5 km de estrada de chão bem conservada.

PROGRAMAÇÃO – A Festa ocorre geralmente no sábado e domingo, de dia e à noite. A entrada é gratuita de meio-dia às 18h no sábado e, no domingo, antes da missa. A programação oficial, assim como as atrações musicais e o valor dos ingressos serão divulgados em breve.

Fonte: Calabria Comunicação

fonte original do Montanhas Capixabas

Confira mais Notícias

GCM de Cachoeiro apreende moto clonada no bairro Vila Rica

Polícia Militar apreende drogas em São José do Calçado

Mulher é detida com moto clonada em Jerônimo Monteiro

Força Tática detém homem com 130 pedras de crack em Alegre

ES fecha bimestre com menor número de homicídios em 28 anos

Operação policial prende quatro pessoas e apreende armas e drogas em Guaçuí

Anchieta oferece atividades para maiores de 60 anos

Integrante de facção criminosa é detido em Bom Jesus do Norte