Ouça a Rádio Ao Vivo

Explosão de celulares: Saiba as causas e quando deve trocar a bateria

Na semana passada, um celular explodiu na sala de uma residência em Cachoeiro de Itapemirim. O aparelho estava recarregando quando explodiu. Para entender melhor os motivos que levam baterias de celulares explodirem, o jornalismo do Fato ouviu um profissional na área, o empresário técnico responsável por manutenção de celulares, Pedro Paulo Bertani Lovato (Pedrinho).

Pedrinho explica que são vários motivos que podem ocasionar a explosão de uma bateria de celular, todas relacionadas ao superaquecimento do aparelho. Geralmente a bateria aguenta até 60ºC. Passando disso, ela pode explodir.

Um dos motivos é tempo prolongado de recarga. “Isso acontece quando tem uma carga excessiva do celular na tomada. A pessoa às vezes esquece, deixa demais (recarregando)”.

Ainda de acordo com o técnico, as explosões acontecem com mais frequência em aparelhos mais antigos. “Nos aparelhos de hoje, novos, os carregadores tem uma tecnologia que costuma parar de recarregar depois de um certo tempo”, diz.

Outra maneira de aquecer excessivamente é deixar o aparelho debaixo do travesseiro na hora de dormir. “Sempre deixamos frisado com o cliente para nunca dormir com o celular debaixo do travesseiro, o que acontece muito, e pode causar um superaquecimento, entrar em curto e a bateria explodir”.

Deixar o aparelho celular dentro de um carro fechado é outro fator que pode causar explosão. “Evitar carro quente, todo fechado e deixar o aparelho ali dentro. É perigoso, pode causar acidente”.

A hora do banho também pode ser perigosa. “A pessoa que gosta de tomar banho com o celular no banheiro. ‘Ah não molhei o celular’. Mas o vapor pode ocasionar acúmulo de água dentro do aparelho e pode vir a dar um curto-circuito, pegar fogo também e explodir”.

Confira algumas dicas de segurança:

– Tomar cuidado com a bateria na hora de utilizar

– Sempre recarregar quando pedir carga. Com 30% ou menos pode colocar para recarregar. Colocar uma carga em cima da outra não é necessário e, ainda, diminui o tempo de vida útil da bateria.

– Nunca usar o celular recarregando na tomada.

– Evitar mão molhada.

– Não deixar o celular no banheiro na hora do banho.

– Trocar a bateria se ela estufar.

Quando saber que está na hora de trocar a bateria?

É quando você vê que o aparelho está desligando sozinho, ou quando ele está, por exemplo, com 40% e desliga.

Outra situação é quando você desliga e liga, e carga está em 90% e logo cai para 30%, 40%.

Tem também as baterias que incham depois de um determinado tempo, devido ao excesso de superaquecimento. Elas precisam ser trocadas imediatamente.

fonte original do Jornal Fato

Confira mais Notícias

GCM de Cachoeiro apreende moto clonada no bairro Vila Rica

Polícia Militar apreende drogas em São José do Calçado

Mulher é detida com moto clonada em Jerônimo Monteiro

Força Tática detém homem com 130 pedras de crack em Alegre

ES fecha bimestre com menor número de homicídios em 28 anos

Operação policial prende quatro pessoas e apreende armas e drogas em Guaçuí

Anchieta oferece atividades para maiores de 60 anos

Integrante de facção criminosa é detido em Bom Jesus do Norte