Ouça a Rádio Ao Vivo

Espírito Santo recebe lançamento de campanha nacional contra a dengue

O governador do Estado, Renato Casagrande, e a ministra da Saúde, Nísia Trindade, participaram, neste sábado (02), da abertura do Dia D de Mobilização Nacional Contra a Dengue. O evento aconteceu na Unidade Regional de Saúde (URS) de Feu Rosa, no município da Serra, com a oferta de vários serviços de saúde para a população. A campanha reforça a importância da conscientização e do apoio da população no combate à doença.

O Ministério da Saúde (MS) fez uma convocação nacional para que todos os estados e municípios se unam em ações para reduzir o impacto da dengue na saúde pública e promover o engajamento da população na eliminação dos focos de reprodução do mosquito Aedes aegypti.

“O evento de hoje é uma demonstração da prioridade que a ciência tem nas decisões do Ministério da Saúde. O trabalho de prevenção ao mosquito é fundamental. No ano passado, o Espírito Santo teve uma forte incidência da dengue com 98 mortes e neste ano já perdemos seis pessoas e outros 11 casos estão sob investigação. O Governo do Estado está atuando com a entrega de equipamentos de controle de pragas aos 78 municípios e a instituição do Centro de Comando e Controle para gestão, monitoramento e coordenação das ações de combate à dengue”, destacou o governador Casagrande.

A ministra da Saúde reforçou que o Dia D é fundamental para dar visibilidade ao risco que as doenças provocadas pelo mosquito e representa a unidade construída com os estados e municípios. “Hoje temos o Brasil unido contra a Dengue. Se não houver união, não tem saúde. É muito importante o esforço de mobilização com o Governo Federal, estados e municípios caminhando juntos na promoção da saúde. Agradecemos o apoio do Governo do Espírito Santo nesse propósito”, pontuou Nísia Trindade.

O secretário de Estado da Saúde, Miguel Duarte, falou sobre a incidência da doença no Estado. “Estamos com mais de 57 mil casos notificados de dengue no Espírito Santo. A dengue é um desafio de saúde que depende do apoio da população para eliminação do mosquito. Os agentes estão nas ruas de casa em casa, os municípios estão executando as estratégias necessárias, mas cada cidadão precisa eliminar a água parada em sua residência. Precisamos unir forças”, reforçou.

Após a solenidade de abertura do Dia D, as autoridades realizaram uma visita domiciliar para demonstração de controle do vetor. Estiveram presentes o prefeito da Serra, Sérgio Vidigal; a deputada federal Jackeline Rocha; o deputado estadual João Coser; o secretário-chefe da Casa Militar, Coronel Aguiar; a representante da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) no Brasil, Socorro Gross; e a secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde, Ethel Maciel.

Dados e ações

Até este sábado, foram notificados 57.749 casos de dengue no Espírito Santo e seis óbitos confirmados, além de outros 11 em investigação. Em nível nacional, o estado é o terceiro com mais notificações para a doença.

A Secretaria da Saúde (Sesa) monitora a incidência diariamente e por semana epidemiológica, dando orientação aos municípios nas ações e ofertando treinamentos para técnicos de saúde. Desde o início da imunização contra a dengue no Estado, 6.880 crianças de 10 e 11 anos foram vacinadas.

No último dia 21, o Governo do Estado decretou situação de Emergência em Saúde Pública em razão do cenário epidemiológico das arboviroses. Além disso, constituiu o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) de Arboviroses, com ações a serem desenvolvidas em parceria com a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros Militar do Espírito Santo (CBMES) e o Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), com a possibilidade de articulação de demais órgãos.

A Sesa estabeleceu a Sala de Situação voltada exclusivamente para os assuntos estratégicos das arboviroses, que possui um importante papel no enfrentamento da epidemia e no fortalecimento dos dados epidemiológicos.

“A Sala de Situação atua desde o monitoramento dos casos bem como a qualificação das informações, de modo que consigamos avaliar a situação epidemiológica das arboviroses por municípios e do Estado como um todo. Desta forma, conseguimos planejar ações e reforçar outras já em vigor para combater as doenças provocadas pelo mosquito”, explicou o subsecretário de Estado de Vigilância em Saúde, Orlei Cardoso.

O CICC de Arboviroses trabalha com o Mapa de Risco, que aponta os municípios com maiores incidências de casos e também os municípios com situações mais críticas. Os dados são atualizados diariamente pela equipe técnica da Sesa, de acordo com informações de notificações dos municípios realizados no sistema de notificação compulsória, o e-sus Vigilância em Saúde.

A Secretaria da Saúde investindo em campanha publicitária educativa em mídia de rádio, televisão e internet para alcançar a população com mensagens sobre combate aos focos. Além disso, a preparação do Sistema Único de Saúde (SUS) de forma conjunta em todo Estado, como o fortalecimento da testagem de RT-PCR para o diagnóstico das arboviroses, assim como a importância dessa ferramenta para a vigilância genômica dos vírus. O apoio aos municípios com insumos e orientações, tais como a ampliação de salas de hidratação.

Para evitar a proliferação do mosquito, é necessário que cada cidadão se empenhe nesse processo, abrindo as portas para os agentes municipais de endemias, mantendo as calhas sempre limpas; as caixas d’água bem vedadas; verificando se não existe água acumulada nas lajes; escovando as bordas das vasilhas de água e comida de animais; descartando lixos, entulhos e pneus nos locais adequados, por exemplo.

Dia D

Até essa sexta-feira (1º), mais de 50 municípios confirmaram realizar ações de mobilização no combate à dengue neste sábado. “Temos municípios que já vêm realizando trabalhos rotineiros e outros que programaram atividades para o próximo sábado. Mas todos os 78 municípios capixabas estão engajados”, destacou o subsecretário Orlei Cardoso.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Governo

fonte original do Montanhas Capixabas

Confira mais Notícias

Prêmio CNA Brasil Artesanal abre inscrições para concurso de cafés especiais torrados

Funai solicita Força de Segurança Nacional para TI Uru-Eu-Wau-Wau

Brasil é campeão no Mundial de Robótica em Houston

Espírito Santo registra redução nas taxas de pobreza e extrema pobreza

Programa Acredita começa hoje e prevê facilidade aos MEIs em negociação de dívidas

Lacen confirma circulação de Febre do Oropouche no Espírito Santo

Projeto Jovem Perito da Polícia Científica está com agenda de 2024 aberta

Agricultores familiares acessam políticas públicas de comercialização e melhoram renda com apoio do Incaper