Ouça a Rádio Ao Vivo

Advogado flagrado com foragidos, drogas e pistola morre em presídio

Imagem ilustrativa/divulgação

Encarcerado desde 27 de maio na Penitenciária de Segurança Média 1, em Viana, o advogado criminalista cachoeirense M.R.C. morreu na tarde de ontem (10). 

O caso está sendo tratado como suicídio, segundo a Secretaria da Justiça (Sejus).  

Na ocasião, M.R.C. estava sozinho na cela e chegou a ser socorrido por servidores e levado para a Unidade de Saúde do Sistema Prisional (USSP), também localizado no complexo, onde foi a óbito. 

A Sejus esclarece que todas as medidas necessárias para atendimento da ocorrência foram tomadas, como comunicar o fato à família e às autoridades policiais e de justiça.

Prisão

Flagrado pela Polícia Militar com dois foragidos, além de drogas e uma pistola 9mm, em seu carro, no bairro Valão, em Cachoeiro de Itapemirim, no dia 26 de março, M.R.C foi detido e levado para a delegacia regional de Polícia Civil.

A PM ainda teria constatado que ele dirigia alcoolizado.  

No dia seguinte, houve a sua condução para a penitenciária na Grande Vitória.   

fonte original do Jornal Fato

Confira mais Notícias

Fiscalização eletrônica de velocidade é restabelecida aos poucos

Após perseguição, foragido é capturado em Alegre

Dia do Policial Civil é ‘comemorado’ com prisão e apreensões em Guaçuí

Carreta tomba na BR-101 em Mimoso do Sul

Morre Mazinho Schwambach, colunista social de Domingos Martins e região

Mais de 50 médicos do Espírito Santo respondem por processo no CRM

VII Festival de Leituras Dramáticas Capixabas agita Cachoeiro

Seleção capixaba de handebol disputa Campeonato Brasileiro Cadete